ZABBIX Series: how to … adicionar um host linux ao monitoramento zabbix

Olá, aqui e de volta outra vez ( J. R. R. Tolkien feelings 😊 ) A série não pode parar e por isso, vamos nessa!!!!

Neste episódio veremos como adicionar um servidor linux ao nosso monitoramento. Ué Victor, e por acaso não já o fizemos no POST anterior? E a reposta é: não meus caros, ainda não. Ou melhor, eu diria quase. Não basta apenas instalar o agente zabbix e esperar que ele faça o restante do trabalho, não é bem assim. Mesmo apresentando o recurso de autodescoberta (que vale um artigo num futuro próximo), é bom, e por que não saudável também, aprender a configurar sozinho um host linux na interface web do zabbix.

ADD HOST

Uma vez logado na web console, vá para Configuration >> Hosts >> Create Host

** http://192.168.1.10/zabbix/

username: Admin

password: zabbix

Figura 01

Agora, informe os detalhes para os seguintes parâmetros:

Hostname: Nome do host remoto/cliente/alvo (nó)
Visible nameNome do host, algumas vezes chamado de nó
GroupSelecionar o(s) grupo(s) de hosts ao(s) qual(is) o nó pertence
Agent Interface: Digitar o endereço IP ou o nome DNS (IP recomendado)
Connect toEscolher entre IP / DNS (Forma de comunicação: IP recomendado)

Figura 02

NÃO clique em Add, por favor … O próximo passo são os templates, a setinha amarela (canto superior)

TEMPLATE

Um template é um conjunto de entidades que reduz seu esforço manual na configuração de gatilhos, itens, gráficos, aplicativos, etc. para cada host.

Templates podem ser aplicados a vários hosts ao mesmo tempo. E para diminuir ainda mais o trabalho, o próprio Zabbix já vem com alguns pré-definidos por padrão.

Vá para Templates >> Link new templates. Aqui é possível tanto digitar para pesquisar um modelo quanto clicar em Selecionar para escolher dentre uma lista (Marque o modelo que deseja vincular ao novo host)

Figura 03
Figura 04
Figura 05

Feito isso, redirecionado automaticamente (e de volta) para Configuration >> Hosts

Observe a mensagem (tarja verde) dizendo que o novo host que foi adicionado com sucesso:

Figura 06

MONITOR

Qualquer problema é sempre listado em Monitoring >> Dashboard Então, dirija-se até lá:

Figura 07

Para dados, valores, estatísticas e informações mais detalhadas acerca dos recursos coletados, vá para Monitoring >> Graphs

Escolha um host, procure pelo parâmetro do recurso desejado (CPU, RAM, HD, etc) e finalmente clique em GRAPH, sendo esta a última coluna no canto direito.

Figura 08

Aos mais atentos, percebam que a categoria Monitoring >> (lado esquerdo) possui muitas outras opções, como OVERVIEW, LATEST DATA, MAPS, DISCOVERY, SERVICES … Mas não se preocupem, pois todas elas serão cobertas e tratadas em artigos futuros da série

Bom galera, esse foi o conteúdo que quis trazer para vocês. Como disse no início, o BLOG não pode parar e tenho planejado algumas outras séries ainda este ano. Acredito que vão gostar bastante 😋 Mas primeiro, preciso concluir essas duas em aberto: o Zabbix e o Ansible. Então, já sabem: favorite no seu browser, seja um seguidor por e-mail ou redes sociais, e volte sempre pra checar se não saiu texto novo por aqui.

Grande abraço a todos! Um ótimo fim de semana

REFERÊNCIAS:

https://www.itzgeek.com/how-tos/linux/how-to-add-a-node-to-zabbix-server-for-monitoring.html

https://blog.zabbix.com/zabbix-agent-active-vs-passive/9207/

https://www.zabbix.com/auto_discovery

ZABBIX SERIES: how to … install zbx-agent on centos_7

Saudações 🖖 Agora que a páscoa ficou para trás, e esse é oficialmente o início do 2º ano do BLOG, nada melhor que começar com o pé direito e resgatar a série “pausada” do nosso querido Zabbix … Para tal vamos aprender hoje como instalar os agentes que monitoram toda a atividade no outro lado, nas pontas, ou melhor, nas máquinas alvo (nodes).

O mais legal é: trata-se de um tutorial bem curtinho e fácil de reproduzir. Quando piscarem os olhos verão que já terá acabado. Sendo assim, terminais abertos, usuários logados, e atenção aos comandos necessários. Vem comigo! 🚶‍♂️🚴‍♂

01. REPOSITORIO

Entre como root ou mude para o mesmo:

sudo su -

ou

su -

Devido ao pacote zabbix-agent não estar listado nos repositórios base do CentOS, adicione o endereço correspondente para configurá-lo em sistemas clientes (somente aqueles que deseja monitorar, é claro)

rpm -ivh https://repo.zabbix.com/zabbix/4.0/rhel/7/x86_64/zabbix-release-4.0-1.el7.noarch.rpm

02. PACOTE

Use o comando a seguir para instalar o agente propriamente dito:

yum install -y zabbix-agent

03. ARQUIVO

Modifique o arquivo do cliente para expressividades referentes ao servidor mãe/central:

vi /etc/zabbix/zabbix_agentd.conf

Atualize as seguintes informações no arquivo de configurações:

### Zabbix Server IP Address or Hostname ###

Server=192.168.1.10

### Client Hostname ###

Hostname=control-A

04. CONTROLE

Reinicie o agente zabbix:

systemctl restart zabbix-agent

Ative o zabbix-agent para um start automático no boot:

systemctl enable zabbix-agent

Fim

Eu avisei (…) O tempo passou e você nem viu 😄 hahaha

Vejo todos na próxima !!!

Tchau 👋

Referências:

https://www.itzgeek.com/how-tos/linux/ubuntu-how-tos/how-to-install-zabbix-agent-on-centos-7-ubuntu-16-04-debian-8.html